terça-feira, 1 de novembro de 2016

Às vezes, o silêncio

Foto:josé alfredo almeida





E às vezes, o silêncio
estremece 
como se fosse a hora de
 passar alguém 
que só hoje não vem. 



Sophia de Mello Breyner Andresen

1 comentário:

  1. ..Apaziguador ..Silêncio.
    Belo..sereno...

    Gostei...

    ResponderEliminar